19 de setembro de 2006

díptico (sem um dos lados)


muralha de melgaço
partilhado por danielsg.

uma muralha ascende
ao nosso azul

divide o silêncio
dos afectos

de um dos lados estamos nós
cercados pelo coração do amor

do outro está a espera
que nos guiou a este
abraço

1 comentário:

nina sem medo disse...

Bela muralha esta que não separa corações, nem afectos. Ergam-se muralhas à solidão em todos os corações.